29 maio 2012

1 Aninho – Escolha do tema, lista de convidados e salão

Essas foram as primeiras coisas definidas na época.

Quando o Junior tinha 2 meses, comecei a pesquisar temas de festas infantis pela net. Foi só pra começar a ter ideias e, claro, sonhar um tiquinho. A principio, eu sempre quis uma tema pouco comum. Nada de Backyardigans, Looney Tunes Baby. Patati e Patatá e Circo piorou. Na minha opinião já deu esse lance de palhaço!!! Eu queria coisa nova ou algo não muito visto. Achei o tema provençal lindo! Mas não cabia no meu bolso rs. Fui olhando, olhando. Vi Pica-Pau, Pato Donald, Mickey, Galinha Pintadinha e a dos 101 Dálmatas. Foram as mesas que eu mais gostei.

Passou-se um tempo e eu comecei a me planejar para a festa. Voltei a ver as mesas e a que mais me agradou foi a dos Dálmatas. Me apaixonei! Daí teve aquela história da fornecedora que me “quebrou as pernas”, mas mesmo assim eu consegui a mesa.

Mas, antes mesmo de fechar a mesa (e quando digo antes é beeeeeeem antes) eu já havia alugado o espaço. Não era um lugar luxuoso, com um monte de brinquedos pras crianças. Mas era um espaço grande, de fácil acesso e BARATO! Me conta, onde você vai encontrar um lugar grande, com condução na porta, 2 freezers, um fogão com botijão de gás cheio, uma geladeira, 20 jogos de mesa pela bagatela de 70,00? Vai, fala ai, ONDE? Corri logo e agendei o espaço. Na época nem sabia se ia ter grana pra fazer a festa que sempre quis pro meu filho, mas eu tinha espaço pelo menos pra família que não é pequena.

Então, comprei um caderninho e nele fiz a lista de convidados. Dessa lista tirei o nome das crianças e fiz uma lista separa por idade. Meninos e meninas de 0 a 5 anos, e meninos e meninas maiores que 5. Assim, eu teria uma noção de quantas crianças seriam convidadas e quantos saquinhos surpresa faria. Além de saber o quanto de comida serviria.

Minha lista ficou na faixa de 200 e poucas pessoas. Mas só vieram 170, no máximo!

No próximo post falarei sobre os comes e bebes. Parte muito importante da festa.

25 maio 2012

Desculpa


Me desculpe. Sei que eu to devendo os post dos preparativos do niver do Junior.

Mas, um grande amigo meu e do marido tá passando por uma barra. E esse fato nos afetou. Caiu como uma bomba! Estamos na expectativa de tudo se resolver ainda hoje.

Dia 12 eu e marido fizemos 6 anos juntos e dia 22, 2 anos de casados. Eu tava toda ispirada em fazer um post puta romântico. Mas esse lance do nosso amigo me travou.

Ele é muito querido por mim e pelo marido. Conheci ele pelo Maicon e fomos construindo a nossa amizade. Fui me dar conta da importância dele na minha vida, com a notícia do ultimo sábado. Foi a primeira vez que chorei por um amigo. E só ai fui saber o que é SER AMIGA!

Eu to muito abalada. Me pego pensando nele, no jeito brincalhão. Além de amigo, ele é nosso padrinho de casamento e padrinho do Junior. Percebem o tamanho do sentimento que temos por ele? Ele é o irmão mais velho que eu não tenho.

Não sei por quanto tempo vou ficar ausente daqui. No momento não tenho animo nenhum pra postar aqui.

Tenho um monte de coisas pra contar, mas eu travo.

Hoje Junior teve consulta com o Pedi. Assim que eu me animar volto e conto.

Ótimo fim de semana pra vocês!

18 maio 2012

Desmame

Lendo tantos relatos de desmame, não aguentei!

Gente, eu to DESESPERADA! Junior não larga o peito nem com reza 'braba'! Tá cada dia mais dificil!

Alguém me ajuda! To, tipo, SUPER necessitada!

Vejo mamãe que amam amamentar seu babys nessa idade, mas pra mim é tortura. Deixou de ser prazer.

Me sinto até mal falando assim, mas é a verdade!

Quando tava nos preparativos do niver dele, deixei ele na minha mãe. Acreditem, ele abaixou a blusa da vó, pra mamar no peito dela! Olha onde as coisas chegaram!

Se ele mamasse só pra dormir beleza, mas é TODA HORA! 

Ele começou a chupar chupeta com 6 meses. Dai, de repente, ele largou! Se ele ainda chupasse, já teria desmamado a mais tempo!

Me ajudem!!!

Alguém sabe alguma técnica, ou fez algo que funcionou?

17 maio 2012

1 Aninho - A Festa


E, finalmente, o post sobre o aniversário.

Eu coloquei o horário do convite às 17:30h, mas a maioria das pessoas chegou depois das 20h. Convidei pouco mais de 200 pessoas e só foram umas 130. Mas as poucas que foram, eram pessoas bem chegadas. Então, a festa ficou bem intima.

Eu estava meio receosa com relação à mesa. Todo nosso processo de contratado/contratante foi feito via telefone e e-mail. E tivemos, tanto eu, como Gabi (decoradora), confiar uma na outra. Mas, graças a Deus, tudo deu certo! Ela chegou na parte da tarde e montou a mesa, que por sinal era LINDA!

Eu mesma fiz a parte de recreação com as crianças: dança da cadeira, vivo-morto... Depois de brincar coloquei spray de cabelo colorido. Todas elas amaram!

Quase que eu e marido ficamos sem foto com o Junior. Não sei que merda deu, mas minha máquina não salvou as fotos que nós tiramos com ele e também as que as bisas tiraram. A sorte foi uma tia minha que bateu as fotos.

Me enrolei toda no dia da festa. Nem fiquei em casa direito, saia toda hora pra resolver alguma coisa que estava faltando. E por conta disso, muita coisa saiu do controle.

A pipoca ficou praticamente sem sal, as que sobraram dava até pra fazer outra festa. Comprei quase 200 copinhos de brigadeiro, fiz o brigadeiro (2 latas de leite condensado e uma de creme de leite). Duas pessoas ficaram responsáveis por colocar nos copinhos e quando chego no salão não tinha nem 100 deles. Fiquei puta da vida mesmo! Até agora não to acreditando que deu só aquele pouquinho, acho que comeram!

Minha família pouco curtiu a festa. Praticamente todos ficaram na cozinha pra dar conta do recado: pai, mãe, sogra, tias... Uma das minhas tias foi tomar banho perto da hora do parabéns!

E os centros de mesa? A anta aqui saiu comprando sem pensar. Na hora de “montar” a bola ficou torta e acabou virando brinquedo pra crianças depois kkk.

Já os doces eu achei que os que eu comprei não ia dar. Mas gente, sobrou muiiito doce! Tem um saco de pirulito fechado aqui em casa!

Mas ainda assim, a festa ficou MARA! Meu filho curtiu horroooooores!!!! Junior foi no pula-pula, andava pra lá e pra cá, tirou muiiiiita foto sem reclamar, ia no colo de todo mundo. Só tava meio sério, mas agente entende. Ele foi dormir quase na mesma hora que eu e marido. Depois da festa dei um banho nele e ele apagou. E já eram 00:30 minha gente! Isso mesmo ele NÃO DORMIU durante a festa. #mimatadeorgulho

TODOS elogiaram. Além de TODOS terem saído de “bunda cheia”, o espaço permitia que as crianças brincassem sem ter o perigo de esbarrar em alguma mesa. Também fomos elogiados por tudo estar muito lindo #misissi kkk

Quanto aos presentes... Ele ganhou muitos brinquedos e muitas roupas. Só que as roupas são muito grandes! A maioria ele só vai usar com 2/3 anos. Mas tá ‘otemo’! Vai poupar meu bolso mesmo assim!!!

E como eu havia prometido, aos poucos vou falar sobre cada item da festa num post específico. Vou dar um moooonte de dicas, porque, né, “marinheira” de primeira viagem deu um monte de coisa errada mais e daí É FESTA!!! Kkkk

Fiquem ligadas porque vai ter post sobre lista de convidados, aluguel do salão, decoração, centro de mesa e tudo mais que eu lembrar.

Agora chega de papo, que tá todo mundo querendo ver as fotos, porcaria!
Mesa Principal

Amei essa foto! Somos ou não uma família linda?!

Olha o tamanho do salão...!


Detalhe do saquinho surpresa (falarei dele num post específico)


Mesa de doces (também terá post)


Centro de mesa


Junior na cadeirinha que ganhou de presente


Meu hominho!


Detalhe do bolo. Arte do papel arroz feita pela mamãe.


Ele andou o salão INTEIRO!






Da esquerda pra direita: Tio Andrew, Vovô Marcelo, Vovó Sol e Tio Erick

Da esquerda pra direita: Tio Geovane, Tio Jonathan, Vovô Ideraldo e Vovó Cema

14 maio 2012

12 Meses

Intão, vamos por partes. Me liguei que não fiz o post de 12 meses do Junior. Eu sei que muitas estão curiosissíssíssímas pra saber da festa de 1 aninho que foi no sábado, que querem tirar algumas idéias e dicas (dicas... tenho uma pancada!). Mas não dá pra deixar passar em branco, ne?!

- Aprendeu a andar #mimata rs;

- Faz “huumm” balançando a mão, querendo dizer que tá fedendo. Cês entenderam né?!;

- Coloca a mão no ouvido. Isso significa “alô”;

- NÃO sabe falar NADA!;

- Tá com zero de apetite;

- Tem suas preferências com relação às pessoas. Ele AMA o meu pai e o meu paidrasto. Se joga no colo deles e depois não quer sair mais.

- Parece filho de macaco, adora subir nas coisas;

- Tá dormindo mais durante a noite;

- AMA pizza (vai, atira pedra!);

- Não tem mais medo do Marley;

- Adora as músicas: “Eu quero tchu, eu quero tchá” e a “Ai, se eu te pego

- Adora rua.

Foram as coisas que eu lembrei. Mas, como vocês sabem, sempre que acontece algo novo e eu lembre de postar, pinto por aqui.

O próximo post será sobre o aniversário (espero eu). Tá faltando a foto que eu e papai tiramos com ele. A minha máquina não salvou as fotos que tiramos com o Junior, daí to esperando a minha tia trazer as que ela tirou.

11 maio 2012

Ao meu eterno Bebê

Depois do dia 07 de outubro de 2010, nunca mais me tornei só. Desde esse dia tenho uma razão que me faça querer viver. Ver você pela primeira vez, naquele ultrassom que confirmaria a sua existência, foi mágico. "Tem um neném, sim" foram as palavrinhas mágicas pra que meu conto de fadas acontecesse.

Depois desse dia 07 eu descobri o quanto sou paciente. Nunca imaginei que conseguiria esperar por 38 semanas e 6 dias! É muito tempo! Mas o tempo sempre foi seu e de Deus. 

Aaaah, o tempo... Tempo que fez minha barriga esticar numa proporção que eu jamais imaginei. Mas, era você. Sempre foi você! Você o causador de enjoôs matinais até o 3° mês de gravidez. Você o causador das primeiras vontades: siri, camarão e trilha. Você, você, você!

Mesmo com todas as dores que o decorrer das semanas traziam, eu me sentia bem, me sentia linda! 

Sentir você mexer era tão gostoso, tão prazeroso. Mesmo quando doía, eu adorava. Era sempre um sinal de que você estava ali, comigo. Era um sinal de que ainda eramos apenas um. 

Então, você resolveu que aquele espaço tão pequeno para o seu corpinho grande e roliço era pouco. Você queria crescer mais, evoluir. Começaram as contrações de treinamento até que vieram as dores de coluna. Dores essas que era você dizendo: "Mamãe, eu quero nascer. Você não entendeu, poxa!"

Fomos eu e você, papai e vovó Sol. Chegando na maternindade, mamãe achou que era "alarme" falso, que ainda não tava na hora. Mas quem disse que era eu quem mandava nas coisas?? Papai do céu já tinha batido o martelo, dia 11 de maior de 2011 era o seu dia de nascer.

Não existe dor de parto, dor de seio rachado. Não existe cabelo desgrenhado, fome, vontade de fazer n°1 e 2, sono. Nada disso! É tudo tão pouco perto de toda a alegria, felicidade e amor que você me faz sentir. Eu faria tudo, tudo de novo. Cada detalhe faria diferença.

Hoje você faz 1 ano. Puta merda, porque passou tão rápido?! Não dava pra você ser um pouco mais devagar?? Não, acho melhor não. Mesmo querendo, tanto, mas tanto você assim tão tititnho, eu quero que você cresça.

Peço a Deus que me dê sabedoria pra saber te educar. Que me dê paciência, e haja paciência, pro seu jeitinho turrão (teve a quem puxar). Que Deus me permita ver o seu primeiro dia de aula, o seu primeiro e lindo rabisco. Que eu possa te ajudar com uma lição de casa, que eu possa beijar uma machucadinho seu pra dor passar depressa.

Que eu veja sua voz engrossar, sua barba crescer, você ficar maior do que eu e mesmo assim sentir orgulho! Que eu veja a sua (ou suas, vai saber) namorada(s). Que eu veja você concluir sua faculdade seja qual for. Que eu veja você casar e ser feliz como eu e seu pai somos. Que eu veja Deus te abençoar com um filho(a) maravilhoso, assim como você.

E ai eu posso morrer. Morrer por ter ter amado tanto, por ter te venerado tanto. Morrer vendo, na minha mente, o bebezinho que neste momento que escrevo dorme seu soninho de anjo. Vou morrer vendo um filme na minha mente se passando. Vou relembrar sua gargalhada, seu choro, seus primeiros passos, suas artes. 

Mas o que mais vai me fazer falta, vai ser ouvir você me chamando. Você dizendo: MÃE!


Ps.: Estou chorando, com um nó na garganta. Dói saber que ele tem que crescer e deixar de ser meu pra estar unica e exclusivamente nos cuidados de Deus.


Parabéns, Meu Filho!!!

09 maio 2012

A pedidos

O vídeo do Junior andando.

Como eu disse, não algo como "nossa, ele anda pacas!".


07 maio 2012

Na próxima gestação...

Já que um tantão de gente postou, vou aderir a onda e postar tb.

Na próxima gestação eu:

  • Tirario muiiiiiito mais fotos da barriga e mais ainda com o marido. Temos apenas duas =(;
  • Levaria a máquina pra maternidade pra tirar foto do baby e do parto. Menos da "amiga" se for PN rs;
  • Teria muito mais "vontades";
  • Aproveitaria mais das pessoas por estar gávida kkkk;
  • Usaria roupas pra gestantes mais bonitas;
  • Compraria as coisas que, na época, eu achei desnecessário;
  • Tomaria o remédio pra enjoos, com toda certeza!;
  • Faria um puta chá de bebê;
  • Conversaria mais com o baby;
  • Tiraria foto grávida com meus pais. 

04 maio 2012

23 anos... Viva Eu!!!


Chego até aqui com a felicidade nas alturas. Estou na melhor fase da vida: sou mãe.

Agradeço à Deus por tudo que eu já vivi até hoje. Todos os sofrimentos, todas as lutas, todos os erros, tudo que me fez feliz. São essas coisas que me fizeram chegar aos 23 anos com maturidade suficiente para ser uma boa filha, para ser uma boa esposa, para ser uma boa mãe.

Não me considero ótima em tudo. Até eu morrer sei que vou aprender muita coisa, mas me sinto boa e isso basta.

Aos 23 anos eu descobrir o que é o amor, esse sentimento tão puro e sublime. Amo amo incondicionalmente um ser que mudou a minha vida por completo e que é o MAIOR PRESENTE que eu já recebi na vida!

Hoje completo 23 anos e na próxima sexta Junior completa seu PRIMEIRO ANINHO.


Senhor, muito obrigado pelo filho MARAVILHOSO, pelo ótimo marido, pelo pai e pela mãe que tenho, por toda a minha família. Não estou dizendo que tenho uma família perfeita, temos nossos “arranca rabos”, mas nos entendemos. E isso sim é FAMÍLIA!

Não quero presente, não quero bolo. Quero apenas que as pessoas que eu amo e que tem importância na minha vida, lembrem desse dia tão especial. Porque essas mesmas pessoas são os meus melhores presentes.


Parabéns pra mim!!!


03 maio 2012

Ele anda!

Não é uma coisa que se diga "nossa, olha como o Junior anda"... mas anda!

Com 10 meses ele começou a ficar de pé, pouco depois andava com apoio. Depois começou a "andar" sozinho pra ir da estante pro sofá, dp sofá pra tábua de passar que tá na porta da sala. A distância é uns 3 palmos, mas pra ele um passo e tanto.

E, um dia, marido me chamou pra mostrar uma das cenas mais emocionates da minha vida: o Junior atravesando a minha sala, que tem o espaço de pouco mais de uma metro. Me emocionei, o olhos encheram d'água!

E de uns 15 dias pra cá ele não quer mais saber de engatinhar. Anda de uma lado a outro. Claro que ele cai, mas não desiste! Quando vê que tá chegando no lugar desejado, tenta correr.

Tem horas que olho pra ele e sinto falta daquele bebêzinho titinho.

E falar... Ai já complicado. Ele só fala 'ai', de resto...

Gente é isso. Semana que vem tem post especial e depois tudinho sobre o niver. Vou fazer um post pra cada item, espero naõ deixar nenhuma dúvida.

O que importa pra mim agora e curtir esses saltos de desenvolvimento do meu filhote. Daqui a pouco ele vai ser um homem e não quero me arrepender de nada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...