07 março 2013

Dia 9: Liste 10 pessoas (ou menos) que influenciaram você e descreva como.

1. Jesus/Deus

Deus, Espírito dono do meu ser. Dono da minha vida. Nada, NADA que acontece na minha vida é sem a permissão dEle. 

Jesus foi o homem que ensinou ao mundo o que é se sacrificar pelo amor que sente ao próximo. Se deu, se doou e muitos não veem isso!



2. Meus pais

Só de citá-los aqui meus olhos lacrimejam. Sei que não demonstro como deveria, não dou o valor que eles merecem pelos pais que são pra mim, por tudo o que fizeram e fazem por mim. Talvez eles possam pensar que não os amo, mas não fazem idéia do que eles representam na minha vida.



Agora passa um filme na minha cabeça. Fui criada como uma princesa, tinha tudo do bom e do melhor. Por ser filha única eles sempre me deram de tudo roupas, brinquedos, alimentação, boa escola, carinho, amor, afeto. Nada disso me faltou.



Quando eu tinha 9 anos eles se separaram. Na época eu encarei de boa. Sofri, claro, mas foi tranquilo, sem traumas. Quando eu tinha uns 16 anos fiquei sabendo o verdadeiro motivo da separação. Cada um teve sua parcela de culpa e sei ver isso muito bem. Foi uma separação amigável, por isso não sofri. Cada um refez sua vida, meu pai casou novamente, teve outra filha. Minha mãe também casou novamente e teve dois meninos.



Mas eles, as pessoas que me fizeram ser a mulher que sou hoje eu devo tudo! São minha base e só Deus sabe a falta que me fariam e o tamanho do valor que eles tem na minha vida! Sempre se preocuparam comigo e isso nunca mudou. Posso contar com eles pro que eu precisar, seja finaceiramente, seja apoio moral. Casei e continuo sendo a kekinha, o ovinho, o pintinho, a fifa. Apelidos carinhosos que levei quando criança e até hoje me chamam assim. E eu aaaaamoooooo receber esse carinho deles. Eu ainda tenho, como dou no meu filho hoje, o colo, o abraço, o beijo.



3. Minha avó materna

Aaaaaah, que saudade! Minha avó era minha amiga. Brincalhona, risonha, alegre, divertida! Ainda lembro dos almoços de domingo, da mesa farta nas festas de fim de ano, daquele frango ma-ra-vi-lho-so que eu nunca mais vou comer. De repente um cancer veio e levou ela de nós.



Mas, sabe, ela me ensinou a ser forte, a não me abater, a lutar, correr atrás. Ele em nenhum momento falou em morrer, sempre teve fé que seria curada e daria o seu testemunho de cura. Mas Deus achou que era a hora dela, e a levou para si.



4. Minha tia

Não vou entrar em detalhes, seria expor muito uma pessoa. Mas ele é 10000! Ele é adotiva, mas parece de sangue. Sou briguenta e esquentada como ela. É uma segunda mãe pra mim, pra se ter idéia e minha cumadre 2 vezes, madrinha de casamento e do Junior. 



Ela é a prova viva do que é lutar e vencer. Só a família sabe da luta que enfrentamos, mas ele venceu! Não posso contar um 'i' sobre ela, mas eu sei e ela sabe do que estou falando.



5. Meus irmãos

Tem o Andrew, 13 anos, o Erick, 12 e a Carol de 10. São meu xodó! São meus filhos meeeeeesmo! Se eu tiver que brigar, brigo com eles e por eles. Quantas vezes fui tomar frente de alguem que bateu neles!



Mas os meninos são diferentes. Tão novos e já perderam tanto. A família paterna pouco procura, piorou depois que perderam o pai. E ainda assim sorriem, namoram, vivem! Deus tem dado muita sabedoria pra minha mãe, pois ela conseguiu dar força pra eles mesmo quando era ele quem mais precisava.



Querem trabalhar, ser alguém na vida! Tão novos e com mentalidades tão amadurecidas.



6. Meu marido

Nunca, nunca imaginei que pudesse amar um homem como eu o amo. Sabe aquele amor que tem horas que chega a doer? Vamos fazer 7 anos juntos e muito bem vividos. 


Somos o famoso os opostos se atraem. Eu sou bem faladeira, ele mais reservado; sou estressada, agitada, ele calmo. A maldade que eu não vejo em algo ou alguém ele vê, e vice versa. 

Ele é minha metade da laranja. Meu amigo, meu companheiro. Meu ombro, a minha terceira mão. Nossos planos são os mesmo, nossa visão da vida é a mesma. Deus não poderia ter me dado um homem para ser meu esposo e pai dos meus filhos melhor que ele!

7. Meu filho
Hoje eu sei o que é amar de verdade. Com ele aprendi a pensar no próximo, no futuro. Tenho por que lutar, tenho alguém que me dê motivos pra tentar.

Como algo tão pequenino tem o poder de me fazer crescer e amadurecer tão rapidamente?! Há 2 anos e 5 meses eu era vazia, egoísta, infantil, irresponsavél. Ele me transformou a partir do momento que me descobri grávida! 

Cada dia é um novo dia. Não tem mais horas se arrastando, eu acordo e quando vejo é hora de dormir de novo. Sei que ele ainda tem muito a me ensinar e eu estou aqui, aberta a aprender.

8. Pessoas no geral
Na realidade eu tenho um pouco de todo mundo que passou ou está na minha vida. Quem nunca corversou com um estranho por 10 minutos e aprendeu algo sobre a vida? 

Vejo as pessoas e sei o que tirar de bom para minha vida e o que não fazer de ruim nela. E sei perfeitamente que estou no caminnho certo!

 

2 comentários:

  1. amei tei post!
    Não sou muito de demostrar tb a egnte sempre acha,e sabe, que deve demonstrar ainda mais, porque um dia não os teremos aqui neh?

    Tb acho, que com cada um aprendemos um pouco, mesmo que seja aprender a: nunca fazer algo...

    bjão!

    ResponderExcluir
  2. Na vida a gente sempre tem uma pessoa pra quem admirar, lembrar essas coisas, que a gente leva pra vida toda, como exemplo...

    Bjinhos

    Vitoria & Nathan

    ResponderExcluir

Sua opinião é importante pra mim!

Obrigado pela visita!!!

♡ Grauce e Junior ♡

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...